As Sombras do Tempo: Construção de relógios: Construção equatorial: Esquema equatorial

As Sombras do Tempo

Esquema de um relógio de sol equatorial

Materiais necessários: 1 folha de cartão de dimensões 14×21 cm2; 1 palhinha de 12 cm; compasso; régua; transferidor; marcador; cola; tesoura.


Procedimentos

  1. Trace uma margem de 1 cm em cada um dos lados menores do cartão segmentos z e w.
  2. Marque os pontos médios (Z e W) dos segmentos que traçou e, a partir do ponto W, trace na margem do cartão duas linhas perpendiculares a w, afastadas 2 mm do ponto W. Com a ajuda de uma tesoura, saliente esse pedaço do cartão.
  3. Coloque o compasso no ponto Z e trace uma semi-circunferência com um raio de 6 cm. Divida a circunferência em 6 partes iguais com um transferidor ou mantendo a abertura do compasso e bissectando duas vezes os ângulos assim obtidos. Trace os respectivos raios na semi-circunferência. Repita este passo no verso do cartão. As marcações efectuadas representam as linhas horárias e devem ser realçadas com a ajuda de um marcador.
  4. Considerando a latitude α do lugar onde está, determine os valores de a e de b com base na condição a + b = 19 (distância que separa z de w). Trace um segmento XY paralelo ao segmento z, que dista a de z e b de w.
  5. Está em condições de fazer as dobragens e os cortes necessários para pôr de pé o seu relógio de sol. Para tal, deve dobrar o cartão pelo segmento XY.
  6. Com base no movimento aparente do Sol, assinale correctamente as horas no cimo do cartão, sabendo que o raio perpendicular a XY indica o meio-dia solar. Em baixo as linhas horárias terão de ser coincidentes com as do topo.
  7. Enfie a palhinha no ponto Z e fixe-a no pedaço de cartão considerado no ponto 2. O ângulo que a palhinha faz com o plano horizontal deve ser α.
  8. Oriente a palhinha, que constitui o gnómon do relógio, para Norte e tente estimar a hora neste momento. Devido à inclinação dos raios solares a leitura das horas no Outono e no Inverno é feita na parte inferior do mostrador.

Autoria: Ana Paula Silva, Pedro Miguel de Oliveira